Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Somos todos normais, até termos filhos!

Aquele que já foi o Blogue da Mafalda | Por Ana Fagundes Lourenço

Somos todos normais, até termos filhos!

Aquele que já foi o Blogue da Mafalda | Por Ana Fagundes Lourenço

Sobre os da linha de trás

Aqueles de quem não se fala

25.08.20, Ana Fagundes Lourenço

De madruga, mais precisamente à 1h26, acordei com o telemóvel a vibrar. Era uma SMS a informar-me do resultado negativo ao teste covid. O terceiro feito desde que regressei ao serviço. Medidas preventivas que, apesar do incómodo, são de louvar.

Numa altura em que se voltaram a registar casos positivos na Região Autónoma dos Açores, é bom receber este resultado! Mas aquela sms deixou-me a pensar:

Numa altura em que tanto se fala em linha da frente, considero injusto não se falar nos outros profissionais também ligados à covid-19.

É que o processo desde a colheita da amostra biológica até à SMS com resultado, envolve um sem número de profissionais que parecem esquecidos por todos nós: Assistentes Operacionais, Enfermeiros, TSDT, TSS, Assistentes Técnicos, aqueles a quem chamo "os da linha de trás".

São prémios de desempenho, é a comidinha oferecida aos serviços de urgência e infecto-contagiosos, são as palmas...As palmas! Então e os que se enfiam num laboratório a inactivar o bicharoco e a testar a amostra? Então e os que de madrugada enviam os resultados para a autoridade de saúde? Então e as alminhas que comunicam os resultados aos utentes testado?

Fala-se numa segunda vaga para o mês de Outubro. Espero que nessa altura não se esqueçam dos que fazem um trabalho absolutamente essencial, ainda que na rectaguarda.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.