Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Somos todos normais, até termos filhos!

Aquele que já foi o Blogue da Mafalda | Por Ana Fagundes Lourenço

Somos todos normais, até termos filhos!

Aquele que já foi o Blogue da Mafalda | Por Ana Fagundes Lourenço

Sobre a questão das crianças devolvidas

01.08.19, Ana Fagundes Lourenço

15160323_chn39.jpeg

 

Li uma notícia sobre crianças que foram devolvidas às instituições. Caraças, crianças devolvidas, isto soa mesmo mal.

Não consigo entender o que leva uma pessoa a olhar para uma criança como se de um objecto se tratasse. Não consigo. Foda-se, conhecer uma criança, criar laços com ela, alimentar-lhe a esperança de ter uma família e depois mandá-la de volta para a instituição, porque não era o que se esperava, é no mínimo asqueroso.

Pessoas, os nossos filhos biológicos - aqueles seres que nos saíram das entranhas e deixaram um monte de estrias para recordação - também chateiam, testam limites e dão problemas. Fazemos o quê? Devolvemos? A quem?

Agora imaginem uma criança que traz uma bagagem emocional do caraças, que já se sentiu rejeitada. Que sabe o que é não pertencer a lado nenhum. E óbvio que tem dificuldades em confiar. O que esperavam esses "pais"? Gratidão e subserviência eternas porque fizeram o favor de as adoptar? Não me lixem.

4 comentários

Comentar post